Indicações

A indicação primária deste exame é saber se ocorre refluxo gastro-esofágico e, caso este ocorra, se está temporalmente relacionado com os sintomas relatados pelo doente. Assim, a pHmetria é habitualmente usada em doentes com queixas de azia (pirose) que não responderam à terapêutica farmacológica (equacionando-se aqui uma escalada terapêutica ou mesmo opção por cirurgia anti-refluxo) ou quando há queixas atípicas atribuídas ao refluxo gastro-esofágico (dor torácica, asma, tosse crónica). O exame pode também ser realizado quando se pretende avaliar a eficácia da terapêutica escolhida.